Queda Cabelo
Existe uma solução real para nosso problema. O segredo é acha-a rapidamente. Tem chegado no lugar certo. Bem-vindo a RecuperarOCabelo.

 Minoxidil  minoxidil-rogaine É comercializado em concentrações de 2% e 5% e responde a partir do terceiro ou quarto mês de uso. Existem muitos laboratórios que o produzem, e as marcas mais conhecidas são: Roggaine, Regeine, Ylox, Lacovin, Kresse, Minoxile, Tricoplus, Locemix e Neoxidil.

 Antes e Depois  minoxidil Na imagem da direita podemos observar um paciente que utilizou Minoxidil de concentração 5% durante quatro meses, duas vezes ao dia.
Atualmente, depois de 5 anos, ele continua sob efeito do tratamento e mantém um volume de cabelo similar, o que confirma que o Minoxidil é efetivo inclusive a longo prazo.
O que ocorre na maioria dos casos em que o Minoxidil funciona é exatamente isso: uma grande recuperação durante os primeiros oito/doze meses e em seguida a permanência do resultado por muitos anos.

 Antes e Depois  minoxidil antes e depois Aqui podemos observar outro paciente que utilizou a mesma concentração, porém somente uma vez ao dia durante seis meses. Ainda que as mudanças não sejam tão significativas, nota-se que na foto superior os sinais do couro cabeludo foram cobertos por cabelos novos.

Minoxidil


No início, era comercializado em comprimidos e utilizado exclusivamente por pacientes hipertensos. Por ser um vasodilatador, apresenta uma excelente resposta a este tipo de patologia.

A ação do Minoxidil contra a queda do cabelo foi descoberta porque alguns pacientes apresentaram, como efeito secundário, crescimento de pelo no corpo e no couro cabeludo. A partir daí começaram a serem realizados estudos com tópicos e loções, aplicando-os diretamente sobre as zonas afetadas, obtendo ótimos resultados.

No ano de 1980 iniciou-se sua produção e neste mesmo ano já era acessível ao publico em geral. A loção era comercializada em uma concentração de 2%, sob o nome de “Roggaine”.

minoxalpicador Sua versão em comprimidos continua sendo prescrita a pacientes hipertensos, mas no caso da Alopecia, é aplicado localmente através de loções oleosas ou alcoólicas.

Até há pouco tempo, acreditava-se que o Minoxidil, sendo um potente vasodilatador, estimulava o fluxo sanguíneo e, dessa forma, fazia crescer o cabelo. Mais tarde foram feitas experiências com outros vasodilatadores e os resultados foram nulos. Portanto, não é a ação vasodilatadora que faz crescer o cabelo.

Ainda não se conhece o mecanismo exato de ação do Minoxidil, mas hoje em dia supõe-se que ele atua estimulando a abertura de canais de potássio, impedindo que o cálcio, que envia o sinal aos folículos para que detenham o crescimento, ingresse diretamente às células.

Talvez sejam ambas as coisas que façam crescer o cabelo. O bloqueio do cálcio somado à ação vasodilatadora. Atualmente seu mecanismo de ação continua sendo investigado.

Importante para o Tratamento:

Modo de Uso:

Após a lavagem e secagem do cabelo, aplicar a loção sobre a área afetada, assegurando o perfeito contato com o couro cabeludo. Para uma melhor distribuição recomenda-se uma rápida massagem (30 segundos) com as pontas dos dedos.

No caso de não ocorrerem efeitos colaterais, a aplicação pode ser repetida a noite. Recomendamos esta segunda aplicação já que a diferença de resultado entre uma e duas aplicações costuma ser significativa.

Lave cuidadosamente as mãos após a aplicação. É importante que não haja resíduos do medicamento em suas mãos. Para evitar que a loção passe para o travesseiro, evite deitar-se até que tenha se passado pelo menos 30 minutos da sua aplicação.

Evite o contato com os olhos, nariz ou boca. Caso ocorra, lave-se com água abundante.

Não utilizar em caso de:

  • Existir alguma irritação, inflamação ou ferida no couro cabeludo. Isso poderia levar a uma absorção excessiva do fármaco pelo corpo. Assegure-se de que o couro cabeludo esteja saudável.
  • Ser mulher. As mulheres devem consultar um dermatologista para avaliar a causa de sua alopecia antes de tomar a decisão de iniciar o tratamento com o Minoxidil.
  • Estar sob tratamento com outros medicamentos ou loções no couro cabeludo.
  • Possuir irregularidades na pressão sanguínea ou sofrer de problemas cardíacos.
  • Ser menor de 18 anos. Nesse caso recomenda-se buscar outras alternativas. Consulte um profissional para lhe indique um tratamento de acordo com sua idade.


Efeitos Colaterais:

Caso ocorra algum efeito colateral, deve-se parar o tratamento imediatamente e consultar um médico o mais breve possível.
  • Crescimento de pelo no rosto.
  • Dor no peito ou aceleração do ritmo cardíaco.
  • Zumbido nos ouvidos, visão nublada, desmaios ou tonturas.
  • Aumento inexplicável de peso, inchaço de mãos e pés.
  • Alergia ou inflamação em alguma parte do corpo.

Os resultados do Minoxidil são evidentes mas não são mágicos. É necessário aguardar uns quatro meses para saber se de fato está dando resultado. O tratamento precisa ser constante após iniciado.

Entre dez e quatorze meses após o inicio do tratamento, são obtidos os resultados máximos que o Minoxidil é capaz de oferecer quanto ao crescimento do cabelo. Depois de 24 meses, pode perder eficácia. É recomendado para de um ate três meses e logo voltar ao tratamento. Continue fazendo o seguinte assim que quiser:
  • Começo do tratamento: Uso por 20/24 meses.
  • Descanso: 1-3 meses
  • Recomeço: 10/12
  • Continue ciclando entre descanso e recomeço indefinidamente.
Ciclar entre diferentes períodos, fara retornar os resultados (caso tenha sofrido perda de efetividade) usando as mesmas doses e aplicações diárias. Algumas pessoas tem mostrado inclusive melhor resposta no recomeço que no principio do tratamento

Se planejar utilizá-lo duas vezes ao dia, caso esqueça uma aplicação não tente recuperá-la no dia seguinte. Esquecer uma aplicação não afetará o resultado final do tratamento. O máximo a ser utilizado são duas aplicações diárias.

Se decidir parar definitivamente o tratamento, o cabelo voltará ao seu estado inicial ao fim de 4 meses. O Minoxidil não cura a Alopecia e sim promove o crescimento do cabelo, prevenindo sua posterior queda.

Durante o período de descanso, outros tratamentos que não contenham Minoxidil podem ser utilizados. Existem algumas opções naturais que, ainda que não tenham demonstrado grande eficácia, podem ser úteis para estes períodos.

Lembre-se que nunca se deve começar um tratamento sem antes consultar um profissional..

Se quiser, pode ver algumas fotos de pacientes usando Minoxidil.
 
RepurarOCabelo não se faz responsável pelos danos que pudera causar a utilização de drogas ou a prática dos tratamentos sem prévia consulta/autorização de seu médico. Não comece um tratamento sem consultá-lo com um profissional. Se algum material deste sitio lhe resulta ofensivo, fale conosco. Alguns direitos reservados. Este site está licenciado pela Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Unported