Queda Cabelo
Existe uma solução real para nosso problema. O segredo é acha-a rapidamente. Tem chegado no lugar certo. Bem-vindo a RecuperarOCabelo.

 Terapia Laser  hairmax-leimo

Os equipamentos laser caseiros custam entre U$ 330 e U$ 600 (dólares americanos).
Apesar de que jamais ficou demonstrada sua efetividade, várias empresas o fabricam:
HairMax LaserComb, Leimo, y LaserWands.

Terapia Laser para a queda do cabelo

[ Terapia Laser de Baixo Nível - Terapia Laser de Baixa Luz ]

terapia laser Laser. O primeiro que vem a nossa mente é avanço, ciência, tecnologia.

Há um tempo atrás, a Terapia Laser de Baixo Nível para o tratamento da queda do cabelo era utilizada exclusivamente em centros capilares como complemento às famosas “massagens capilares”.

Os pacientes freqüentavam estes centros e após as massagens, os eletrodos e o succionador, que extrai os resíduos do couro cabeludo, se praticava também uma sessão de laser para estimular o crescimento do cabelo.

Eram de um tamanho considerável e de custo bastante alto, de forma que os pacientes se viam obrigados a freqüentar diferentes centros, pagando um preço mensal muito elevado.

Já há alguns anos, várias empresas começaram a fabricar e comercializar a versão caseira (em forma de escova) de modo que as pessoas com alopecia – hoje em dia – podem fazer o tratamento na comodidade de suas casas.

Um dos fabricantes afirma o seguinte:

“A terapia laser estimula o couro cabeludo, promovendo a circulação sanguínea até os folículos pilosos e removendo o excesso de DHT ao redor do bulbo capilar
Paralelamente, os folículos recebem uma maior quantidade de nutrientes e, graças à luz, se inicia o processo de reparação celular.
O resultado final é um folículo piloso de maior tamanho, permitindo o crescimento de cabelos saudáveis e fortes.”

Outro fabricante não fica atrás ao fazer afirmações:

“Graças aos efeitos energizantes e nutrientes da Fototerapia ou terapia laser, o cabelo se mostrará mais saudável e brilhante. A luz é energia. As células prosperam com a luz, e com o cabelo não é diferente. Ao final do tratamento seu cabelo terá melhor aparência e ao observá-lo você voltará a sentir-se bem.”

Como se fosse pouco, todos afirmam oferecer 90% de efetividade ou “clientes satisfeitos”.

Levando em conta que o laser – nos centros capilares – vem sido utilizado há pelo menos 15 anos, podemos avaliar os resultados sem a necessidade de “sair correndo” para comprar a versão caseira. Então a pergunta que nos devemos fazer é: O tratamento laser tem sido bem sucedido no combate a queda do cabelo?

Não. Não obteve sucesso em nenhum tipo de alopecia. Sua efetividade nunca foi demonstrada em estudos clínicos e muito menos científicos ou ensaios duplos cego. Não há relatos nem fotos de pessoas que tenham utilizado o laser e também não existem comentários favoráveis (que possam ser comprovados) a respeito.

O tratamento laser não foi aprovado pelas autoridades competentes de nenhum país. Foram apresentados diversos documentos a FDA, na tentativa de obter sua inclusão, porém nunca chegaram a passar sequer da terceira fase de provas

Mesmo assim, as empresas que comercializam a versão caseira divulgam seus produtos com uma garantia de satisfação que deixa muito a desejar: caso você devolva o produto, terá um reembolso do valor pago menos 15%.

Os equipamentos laser caseiros custam entre U$ 300 e U$ 600 (dólares americanos), portanto, você terá desembolsado entre U$ 45 e U$ 90 (mais frete de ida e volta) ainda que devolva o produto.

Importante para o Tratamento:

Modo de Uso:

Posicionar o equipamento sobre o couro cabeludo e movê-lo suavemente – como se fosse uma escova – sobre as áreas afetadas.
Os fabricantes sugerem utilizá-lo durante 10 a 15 minutos, três vezes por semana.

Não o utilize em caso de:

Não tem contra-indicações.

Efeitos Colaterais:

Não foram relatados.

Lembre-se que nunca se deve começar um tratamento sem antes consultar a um profissional.
 
RepurarOCabelo não se faz responsável pelos danos que pudera causar a utilização de drogas ou a prática dos tratamentos sem prévia consulta/autorização de seu médico. Não comece um tratamento sem consultá-lo com um profissional. Se algum material deste sitio lhe resulta ofensivo, fale conosco. Alguns direitos reservados. Este site está licenciado pela Atribuição-Uso não-comercial-Compartilhamento pela mesma licença 3.0 Unported